Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Mostrando postagens com marcador Insetos para moças. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Insetos para moças. Mostrar todas as postagens

Desafio biológico: Quem sou eu?


Esse é o ciclo de vida de uma animalzinho muito querido por nós, tente descobrir quem é ele.

Ovos:
Larvas eclodindo:
Estágio larval 1:
Estágio larval 2:
Estágio larval 3:
 Estágio larval 4:
Pulpa:
Eclosão da pulpa:
Duas horas depois:
 Doze horas depois:
 Um dia depois:
Muitas de mim:
File:Harmonia axyridis01.jpg

Trata-se da nossas queridas joaninhas! 
Viram como as aparências enganam!

Por que as formigas carregam suas companheiras mortas?

Quando uma formiga morre, frequentemente vemos outra formiga carregando o cadáver.

Formiga argentina carregando a companheira morta

Dependendo da espécie, o cadáver é levado para cemitérios onde se empilha o lixo ou é carregado para fora do formigueiro. Este ritual serve para manter o formigueiro limpo, livre de patógenos. 
Mas, como as formigas sabem que a “fulana morreu”?
Tem-se identificado algumas substâncias produzidas pelo cadáver que alertam o falecimento, principalmente  ácidos graxos, como ácido oleico.  Em um experimento muito famoso de E. O. Wilson, ao impregnar uma formiga viva com ácido oleico, a coitada é imediatamente levada para o cemitério! 


Porém, há algumas espécies que fazem exatamente o contrário, pois são as formigas vivas que produzem substâncias (dolichodial e iridomyrmecin); ao morrerem, rapidamente, estas substâncias saem do cadáver e a ausência alerta a comunidade: Formiga morta! 

Este comportamento de carregar não é exclusivo para as companheiras mortas, as companheiras vivas podem ser carregadas pelas operárias, quando há mudança de formigueiro. Neste caso, é comum ver as larvas também sendo carregadas.

Aphaenogaster cockerelli, _worker_carrying_larva, I_ANT19
Aphaenogaster cockerelli carregando uma larva

Recentemente, em uma espécie de formiga asiática (Pachycondyla chinensis), foi descoberto um comportamento bem peculiar! Basicamente, quando uma formiga acha um alimento grande que não dá para ela carregar sozinha, ela volta para o formigueiro e carrega uma formiga para o local do alimento, essa formiga por sua vez, ajuda levar o alimento para o formigueiro. 

Tandem carrying in ants, a newly discovered foraging behaviour (Image: Benoit Guenard)
Formiga levando a companheira para ajudar a carregar o alimento

Digamos que trata-se de uma ajuda não voluntária.

Borboletas com asas transparentes


As borboletas são admiradas pelas belas asas coloridas, porém algumas borboletas possuem partes das asas transparentes também conhecidas como borboletas com asas de vidros. Nestas partes, faltam pigmentos ou as cores estruturais muito comuns nesses insetos. 

Abaixo, algumas espécies de borboletas com asas transparentes para vocês apreciarem estas beldades da natureza.

 Greta oto (Fonte: Primeira foto e Segunda foto).
Encontradas principalmente na América central. 

Encontradas no Equador, Peru e Bolívia. Podem viver em altitudes superiores a 2000 m nos Andes.

Encontradas do México a América do sul.

 Acraea horta (Fonte: Primeira foto e Segunda foto).
Encontradas na África do Sul e Zimbabué. 

Encontradas no Brasil.

 Haetera piera
Encontradas na Venezuela, Guiana, Suriname, Equador, Peru e Brasil.

 Cithaerias sp. 

 Acraea andromacha 
Encontradas na Austrália e Nova Guiné.

Encontradas na Colômbia, Peru e Equador.

Encontradas na Bolívia e Colômbia.

Encontrada na América do Sul e Central.

Louva-a-deus orquídea


Vocês estavam muito ansiosas para mais uma postagem do tópico: Insetos para moças, né meninas?

Então vamos a ela... Vejam a foto abaixo e procurem um belo inseto.


Ih... Não acharam! Cliquem sobre a imagem e vejam o belo Louva-a-deus orquídea!

Este belo inseto (Hymenopus Coronatus) também conhecido como louva-a-deus rosa habita florestas tropicais da Malásia, Indonésia e Tailândia. Podem ser encontrados sobre flores de jasmim-manga, mamão e lógico de orquídeas.

Hymenopus Coronatus sobre uma orquidea

Esta espécie de louva-a-deus apresenta um incrível dimorfismo sexual, enquanto as fêmeas são enormes, cerca de 7cm, os machos são bem menores, cerca de 2,5cm!

Uma fêmea e um macho (Círculo) de Hymenopus Coronatus

A estratégia de camuflagem destes animais consiste em passar despercebidos para o polinizador das flores ou para outro animal desavisado, assim o esperto louva-a-deus dá o bote e captura a presa (Vejam vídeo abaixo).


Pode fazer parte de seu cardápio, pequenos lagartos e insetos como abelhas e borboletas, porém parece que eles adoram bananas (Vejam o vídeo abaixo). 


Agora, quando o louva-a-deus é ameaçado sua pomposa camuflagem também serve para enganar os predadores (Lagarto, lagartixa, aranhas-pega-moscas, morcegos, sapos, pássaros...), porém se a estratégia não dê certo, eles são altamente agressivos e mordem tudo o que tiver do seu lado.

Vejam as fotos abaixo e percebam que a coloração destes animais podem variar muito. Essa variação é devido o meio influenciar muito o desenvolvimento da cor do adulto.








Já as ninfas desses louva-a-deus é um show a parte, vejam como elas são bem diferentes do adulto!



Insetos cor-de-rosa


Poucos sabem apreciar a beleza de uma barata!


Mas para essas pessoas que têm o gosto "pouco apurado", vou falar de insetos bonitinhos: Insetos cor-de-rosa.

1) O gafanhoto com olhos cor-de-rosa:


Esse gafanhoto foi descoberto em 2010 nas montanhas Muller Range na Papua Nova Guiné e pouco se sabe sobre ele. Acredita que eles se alimentam de flores de altas árvores.

2) Libélulas rosa 

Trithemis aurora

Esta libélula ai em cima é a Trithemis aurora. Ela ocorre na Malásia e o mais curioso é que só os machos são rosas, já as fêmeas são verdes! 


                                                                 Orthemis ferruginea 

Agora, a Orthemis ferruginea é encontrada no continente americano, inclusive no Brasil e da mesma forma que Trithemis aurora só os machos são rosas.

3) Joaninhas rosa

                                                              ?Coleomegilla maculata ?

Coleomegilla maculata é uma espécie de joaninha que ocorre na América do norte. Podem ser rosa ou vermelha e têm 5-6 mm de comprimento. 

4) Mariposas rosa


Esta mariposa rosa pertence a um grupo conhecido por mariposa-beija-flor (família dos esfingídeos); este nome é devido a maneira de se alimentar semelhante ao dos beija-flores. Veja o video abaixo:


Porém, há várias outras espécies de mariposas que são rosas, como algumas espécies do gênero Pyrausta, comum nos Estados Unidos:


5) Esperanças rosa

Amblycorypha oblongifolia

Esta esperança (Amblycorypha oblongifolia) normalmente é verde e esta cor esta relacionada com a camuflagem que protegem os indíviduos contra predação, porém uma mutação (não muito vantajosa para camuflagem) provoca esta coloração rosa em raras esperanças desta espécie.